Blindagem Capilar: O Que é Isso?

Postado por  //  25 de setembro de 2013  //  Beleza  //  Nenhum Comentário

A blindagem capilar é um tratamento que modifica a textura dos fios, através da hidratação e da restauração das camadas internas de cada fio. A química desse tratamento age também no interior dos fios, resultando na redução do volume, do frizz e no aumento da resistência do cabelo. Resumindo e explicando o nome desse tratamento, o cabelo torna se “blindado” contra possíveis agressões futuras aos fios.

Esse tipo de tratamento é recomendado inclusive para os cabelos que já passaram por uma escova progressiva, visto que muitas marcas fabricam produtos isentos de formol, ou que contém uma quantidade insignificante do mesmo. Ou seja, a impressão de alisamento que a blindagem causa é devido a restauração feita nos fios pela recuperação das fibras danificadas.

O trunfo da blindagem capilar é o silicone. Quando o tratamento é feito, ele age fechando as cutículas dos fios, alinhando os melhor, aumentando a durabilidade das hidratações caseiras e conservando a estrutura dos fios. Esse tratamento costuma durar pouco mais de uma hora e a manutenção do cabelo, para prolongar o tratamento feito, resume se a pequenos cuidados diários.

Assim que o tratamento é terminado, a pessoa está liberada para lavar ou prender os fios. No dia seguinte pode se, também, colorir ou descolorir os cabelos. A única restrição é quanto a lavagem com xampu anti-resíduos, deve se evitar esse produto pois ele remove a química utilizada na blindagem capilar, provocando uma redução no tempo de duração desse tratamento. Outra dica é lavar os fios em dias intercalados, assim o tratamento dura em torno de três meses.

Imagem de Amostra do You Tube

Como se Faz a Blindagem Capilar?

A química da blindagem capilar é composta por silicone, como já citado, queratina e, ainda, alguns extratos vegetais. Nesse tratamento as cutículas dos fios são seladas, resultando num aspecto mais alinhado dos fios, num brilho maior numa textura mais sedosa. Quando feita em um salão de beleza, a blindagem capilar leva, no máximo, uma hora para terminar e deve ser retocada a cada três meses. caso você tenha habilidades para cuidar dos cabelos, a dica é procurar por kits de blindagem capilar caseira. Leia todas as indicações do passo a passo do produto comprado antes iniciar o tratamento.

Qual é a Química que Resulta num Aspecto Semelhante ao Causado Pelo Formol?

Hidratação profunda, restauração capilar, selagem térmica, escova prograssiva sem formol, blindagem capilar e plástica capilar são nomes que vendem muito bem os diversos tratamentos feitos em salões de beleza.

Normalmente, o componente responsável pelo aspecto saudável do cabelo depois de feito um tratamento é a cisteína, a qual possui variantes e pode ser lida na composição química dos produtos com outros nomes como: sugarcane cysteine, cistina e, também, carbocisteína, a qual apresenta melhor estabilidade na formulação de produtos para os cabelos. Por exemplo, para que uma escova progressiva aja nos fios, é preciso que aconteça a etapa de oxidação das ligações de cistina. É nessa fase que o ácido glioxílico ou as fontes de calor agem, como a chapinha acima em alta temperatura.

Imagem de Amostra do You Tube

As escovas progressivas de compostas de cisteína não possuem capacidade para atingir as cadeias de queratina, resultando somente numa redução do volume capilar e promovendo um maior alinhamentos dos fios, não o alisamento por completo. É por essa razão que, quando liberado por um médico, esse tipo de tratamento pode ser feito em mulheres grávidas ou em crianças. O médico deve investigar atentamente toda a composição química do produto, para certificar se de que não haja nenhuma, nem que seja mínima, quantidade de formol.

Já os tratamentos à base da variante carbocisteína costumam causar o desbotamento da coloração dos cabelos quimicamente tingidos ou com mechas. Aí está um dos motivos pelos quais é tão importante se fazer o teste de mecha.

Nem todo tratamento que não contém o formol ou que possui quantidades mínimas dele pode ser feito sem uma avaliação previa do estado dos fios. Qualquer tratamento feito de modo irresponsável, pode causar na queda do cabelo ou no excesso de oleosidade do couro cabeludo. Já o contrario, ou seja, quando o estado de saúde dos cabelos é avaliado por um profissional confiável, não há risco algum de se fazer um tratamento capilar à base de cisteína.

Antes e Depois

Antes e Depois

Toda a composição química de qualquer tratamento capilar possui um limite de quantidade a ser colocada na fórmula. A limitação de cada um dos agentes químicos da fórmula é definida pela ANVISA – a Agência Nacional de Vigilância Sanitária –, em outras palavras, fique atenta se o produto que você vai passar nos cabelos possui uma formulação liberada ou não por essa autarquia.

Links Interessantes:

• Está com os fios muito danificados? Chegou a cogitar raspar os cabelos de uma só vez? Ou leu sobre a blindagem capilar e imagina que essa é a solução? Calma lá, ainda pode ser muito cedo para atitudes como essas. Entenda o porquê no link a seguir:

http://jetshoots.com/blindagem-capilar-funciona/

Produtos

Produtos

• Dependendo do local e do modo o qual foi feito uma escova progressiva, fica visível o aspecto espigado e sem brilho dos fios. Sabe se que os cuidados anteriores a um processo de química são determinantes para evitar que os cabelos fiquem com o efeito contrario do que se deseja quando vamos a um salão. Quando um cabelo já está com os fios enfraquecidos, ele ficará com certeza mais frágil, podendo ocorrer a queda excessiva e até completa dos fios. Para evitar esses problemas, antes de fazer um processo químico qualquer no cabelo é importante que o cabeleireiro avalie o estado dos fios. Quando o problema é apenas o ressecamento, uma simples hidratação semanal soluciona o caso. Já para quem estiver com os fios porosos e quebradiços, é preciso fazer uma reconstrução com queratina e aminoácidos antes do desejado processo de alisamento ou mudança de cor. Confira dicas de como recuperar os fios no link abaixo:

http://mdemulher.abril.com.br/cabelos/reportagem/alisamento/como-preparar-seu-cabelo-alisamento-426367.shtml

• O alisamento é um processo sempre agressivo aos fios, pois molda eles com uma textura a qual não é natural.  Confira vinte dicas básicas para ficar com os fios impecáveis como os de uma diva hollywoodiana no link a seguir:

http://www.sitemedico.com.br/site/beleza/cabelos/6799-20-respostas-para-deixar-seus-cabelos-impecaveis

Deixe um Comentário

comm comm comm