Como é o Namoro Cristão?

Postado por  //  10 de dezembro de 2013  //  Relacionamento  //  Nenhum Comentário

Todo jovem tem vontade de namorar. Isso não é nada demais e, nem é um crime contra nada. Porém, se ele é um cristão precisa saber que o namoro deve seguir alguns princípios para que ele seja abençoado por Deus. Em um namoro cristão é muito importante saber como agir, se comportar, com relação a si mesmo (a) e com relação ao outro.

Para os cristãos o namoro entre dois jovens ou dois adultos de qualquer idade é visto da mesma forma. Ou seja, uma forma de se conhecerem. Uma preparação para uma vida a dois. Onde encontrarão e terão que assumir muitas responsabilidades. Esse tempo na vida de duas pessoas que se escolheram é muito importante. E, é fundamental que exista em ambos um bom nível de maturidade.

Esse tempo de namoro, eles devem aproveitar para conversarem, expor suas ideias e pensamentos. Nada que interesse aos dois como um futuro casal, deve ser deixado para ser dito depois. A sinceridade tem que ser total. Até porque, em um namoro entre jovens cristãos não existe a expressão passar o tempo. Todo namoro cristão tem como finalidade o casamento. Entre os cristãos, não deve ser jamais começado um namoro se a intenção for outra que não seja o casamento.

Liberdade Sexual

Imagem de Amostra do You Tube

Qualquer pessoa saudável sente desejo de se relacionar sexualmente com outra pessoa. Essa vontade é absolutamente normal. Principalmente se forem tomados todos os cuidados no sentido de preservar a saúde. Porém, entre os cristãos só é permitido sexo entre casal casados. Em um namoro cristão não pode haver nenhum tipo de contato físico ousado que leve o casal ao desejo físico e desperte a vontade de manter uma relação sexual.

Nesse tempo que o casal está namorando, não deve ser usado para conhecimento físico. Essa parte fica para depois do casamento. Antes, eles precisam que suas almas e seus corações se conheçam. Por isso, é que a maturidade do casal é tão importante. Mesmo que o desejo surja entre eles, a responsabilidade, disciplina e convicção fazem com que se mantenham naquilo que decidiram.

Quando dois jovens cristãos resolvem namorar, O que um espera do outro logo de início é que esteja em comunhão espiritual com Deus. Porque, se eles estiverem bem próximos de Deus também estarão um do outro. O tempo de namoro também é utilizado para confirmar se realmente é essa a vontade de Deus na vida deles dois.

Imagem de Amostra do You Tube

Se por acaso duas pessoas cristãs começaram um namoro e perceberam que não é exatamente aquela pessoa com quem deseja passar o resto da vida, podem e devem terminar o namoro.

Não é aconselhável um namoro entre um cristão e outro que não segue os mesmos princípios religiosos, porque a forma de pensar, a crença em um namoro voltado para o conhecimento de ambos sem o aspecto físico pode não querer ser respeitado pela outra pessoa.

Um Namoro Entre Cristãos Deve Observar o Seguinte:

-Nunca colocar o namorado antes de Deus;

– Manter a vontade do corpo físico sob controle;

-Entender que as emoções, a mente e a vontade precisam estar dentro daquilo que Deus quer.

Quando um namoro segue esses princípios, os cristãos dizem que ele está dentro do padrões segundo a vontade de Deus. E quando não está, Eles dizem que tudo acontece de acordo com a parte espiritual fraca. Nesse caso, as emoções, a mente, o corpo e a vontade ficam totalmente sem controle. E, ficando sem controle a parte que fala mais forte é a parte física e o namoro deixa de ser sério (segundo os cristãos) e passa a ser corrompido.

Começo de um Namoro Cristão

Começo de um Namoro Cristão

Começo de um Namoro Cristão

Entre os cristãos não existe uma idade certa para começar um namoro. O que é visto é a questão da maturidade. Mas, é muito importante que os pais fiquem atentos para que o namoro não se inicie cedo demais.

Fatores Importantes Para se Começar um Namoro Entre Cristãos:

-Primeiro é que ambos já tenham sido batizados;

-Nenhum dos dois deve ter pouca idade. Porque para manter um namoro seguindo os padrões de Deus é necessário possuir maturidade espiritual e física. São duas coisas fundamentais em um relacionamento;

– O rapaz deve tomar a iniciativa para começar o namoro, jamais a moça deve tomar a iniciativa. Segundo a bíblia, o homem sempre deve ser o líder;

 

-O casal deve estar em perfeita comunhão com Deus. Só ele abençoa qualquer relacionamento;

 

 Namoro Cristão

Namoro Cristão

-É fundamental que os pais de ambos que pretendem começar um namoro, estejam de acordo. Surgem muitas dificuldades em um namoro que não tem o apoio dos pais. É muito importante a bênção dos pais para um relacionamento com harmonia e felicidade;

 

-Apoio e conselho do pastor da igreja que ambos frequentam;

-Agir de forma correta para ganhar a confiança dos pais (dos seus pais e dos pais do namorado (a);

-Estar sempre atento na relação entre seus pais e a pessoa que você escolheu;
-Combinar dias e horários para as vistas na casa da namorada e cumprir o combinado.

 

Manter um Namoro é Mais Difícil que a Conquista

 

Conquistar alguém é sempre mais fácil do que manter o relacionamento depois. Contudo, no namoro entre cristãos desde o início o casal já é instruído para valorizar a personalidade da pessoa e a parte espiritual. O casal sabe que não deve namorar alguém com interesse no dinheiro, na casa, no corpo físico, na popularidade, no carro ou na beleza.  Para os cristãos, a parte mais importante é a espiritual. Pois é ela que une a pessoa a Deus. E, quanto mais próximos eles estiverem de Deus, mais estarão um do outro.

Exageros Devem ser Evitados

 

Todo casal de namorados gosta de trocar beijos, abraços e carícias. Contudo, em casais de namorados cristãos não é aceitável contato físico com exagero. Principalmente carícias que podem despertar desejo de relações sexuais, porque esses desejos não poderão ser satisfeitos antes da realização do casamento.

Saber respeitar horários de trabalho e estudos um do outro. Assim como entender quando o namorado (a) tiver um problema que impeça de estar junto.

Não se vestir com exagero, afinal não é a roupa que irá definir a felicidade do casal.

Deixe um Comentário

comm comm comm