Hidroginástica Para Gestantes

Postado por  //  16 de janeiro de 2015  //  Saúde  //  Nenhum Comentário

Já faz algum tempo que a hidroginástica vem se tornando uma das atividades físicas mais populares entre as gestantes. Trata-se de um exercício que tem intensidade moderada e que ajuda a gestante a sentir o alívio do peso da barriga pelo fato de estar praticando a atividade dentro da água. O impacto da hidroginástica nas articulações de uma mulher grávida é muito positivo.

A hidroginástica está sendo cada vez mais recomendada pelos médicos porque atua no fortalecimento do abdome e também do músculo do períneo que é muito importante no momento de dar a luz. Além de tudo isso essa atividade física ainda age como uma drenagem linfática. Pode ser o exercício físico que você estava procurando para tornar a gestação um momento ainda mais mágico e agradável.

Hidroginástica e as Dores do Parto

Um estudo realizado na Universidade de Campinas (Unicamp) descobriu que a hidroginástica pode contribuir para a redução das dores do parto de maneira a diminuir assim a necessidade de anestesias e o desconforto da futura mamãe. Porém, mesmo que o estudo tenha tido essas conclusões é essencial dizer que ainda não existem trabalhos científicos que confirmem isso.

Recomendação Médica e Cuidados

Uma mulher grávida deve ter a liberação do seu médico para praticar atividades físicas, o obstetra irá avaliar se a gestante está em plenas condições de saúde para realizar as atividades que está se propondo. Além disso, existem certos cuidados que devem ser observados pela gestante para a prática da hidroginástica.

De uma forma geral a gestante pode praticar a hidroginástica durante toda a gestação salvo nos casos em que existe recomendação médica contrária a isso como nos casos de gravidez de risco. Depois do período de resguardo a mulher poderá voltar para as suas aulas de hidroginástica, porém, sempre respeitando o seu corpo e os seus limites.

Um dos principais cuidados diz respeito a temperatura da água que deve estar abaixo dos 30 graus para que não haja o aumento excessivo da temperatura do corpo. Fique atenta ainda aos movimentos para não ficar com dores nas costas ou acabar desenvolvendo lesões mais graves. Lembre-se que o seu corpo está diferente e você está carregando o seu bebê.

Monitoramento

Os médicos recomendam que durante a prática das aulas de hidroginástica a frequência cardíaca das gestantes sejam monitoradas. Contudo ainda mais importante do que isso é ficar de olho na disposição da mesma. Os instrutores de hidroginástica de gestantes devem observar a respiração das suas alunas.

Quando a mulher fica ofegante como se tivesse subido uma ladeira correndo é porque já chegou ao seu limite e precisa parar. O instrutor pode conversar com a aluna para ver se ela está falando normalmente ou se está esbaforida, o que não é bom sinal. É fundamental que a gestante ouça o que o seu corpo diz e pare no momento certo. Quando a gestante fica sem ar o bebê também fica.

Imagem de Amostra do You Tube

As Aulas de Hidroginástica

Cada aula de hidroginástica terá um objetivo a ser atingido e uma função para contribuir para o bem estar da mamãe e do bebê. Os exercícios buscam trabalhar a mente e o corpo juntos e incluirão alongamento, aeróbica além de trabalho em todos os músculos do corpo. A hidroginástica irá ajudar a fortalecer os músculos que serão fundamentais para tornar o parto mais tranquilo e menos dolorido.

Também serão realizados exercícios que ajudem a gestante a melhorar o seu equilíbrio uma vez que a mulher estará mais pesada. O peso da gravidez se concentra todo na frente do corpo o que pode causar desequilíbrio. Para completar os exercícios visam ainda trabalhar a questão emocional por meio de exercícios respiratórios que ajudam a circulação de forma a fazer com que a gestante fique mais relaxada e com menos ansiedade.

Resultados

As mulheres grávidas que praticam hidroginástica tem um sono mais profundo a noite além de se sentirem mais revigoradas. O bebê sempre sai ganhando quando a mãe está equilibrada física e emocionalmente. Quanto mais sadia for a gestação para a mulher mais sadio será o bebê.

Normalmente as gestantes são liberadas para a prática de hidroginástica depois de terceiro mês de gravidez. Porém, lembramos de novo que o médico deve ser consultado e ele deve liberar a mulher para essa prática. Toda academia profissional exige a liberação do obstetra para que a gestante possa começar a fazer as suas aulas.

A hidroginástica é uma atividade que pode ajudar a mulher a voltar ao seu peso normal com mais rapidez além de ser uma atividade prazerosa. O mais importante é se divertir e ter a certeza de estar trabalhando pela sua saúde.

Nada de Jejum

Jamais uma gestante deve ir a uma aula de hidroginástica em jejum, isso quer dizer mais de três horas sem comer. Algumas mulheres ficam apreensivas de comer muito e passar mal por causa da piscina. Os médicos indicam que a gestante tome um bom café da manhã ou um bom lanche dependendo do horário em que faz as aulas cerca de uma hora antes de começar a se exercitar.

Fique atenta ainda para o fato de que a gestante precisa ingerir uma boa quantidade de líquidos antes, durante e depois da aula de hidroginástica. Isso ajuda a evitar a desidratação que pode ser extremamente prejudicial para mamãe e para o bebê.

Exagero

Quem deseja saber se está exagerando nos exercícios de hidroginástica pode observar alguns sinais que funcionam como alertas. Dentre os sintomas estão falta de ar, sangramento vaginal, sensação de desmaio, náusea, tontura, visão embaralhada, aumento do inchaço nos pés, tornozelos e mãos, perda de líquidos através da vagina, mal-estar, palpitações e fores no abdômen ou no peito.

A principal dica que podemos dar é que você confie no seu instinto, pois a mulher naturalmente tem uma boa percepção em relação ao seu corpo e isso só aumenta quando se está esperando um bebê. Se sentir que a hidroginástica não é uma boa atividade para você ou que está exagerando na dose pare e procure um médico que te ajude a encontrar outra atividade física que seja mais satisfatória.

Deixe um Comentário

comm comm comm